Contato
Menu
Menu
HOME EMPRESA CURSOS AULAS CONTATO
NOTÍCIAS

Pilates na Gestação

Pilates e a Gestante A gravidez é um momento de diversas alterações emocionais, físicas e hormonais.

Com o intuito de preparar a pelve para o parto, um importante hormônio chamado relaxina é produzido, promovendo maior frouxidão ligamentar e capsular, sobrecarregando as articulações.

Um programa de atividade física que promova tranqüilidade, bem-estar e qualidade de vida durante a gestação e que ofereça o menor risco possível para o feto.

Antigamente acreditava-se que a atividade física para gestantes causariam lesões e efeitos adversos para o feto.

Todavia, estudos epidemiológicos e achados clínicos, concluídos desde 1985, comprovaram que não existem efeitos adversos para o feto e nem para a gestante. Nos primeiros três meses de gestação, as mudanças nos hormônios podem fazer com que a mulher se sinta exausta e com náuseas.

Contudo, exercícios leves podem ser feitos e, muitas vezes, podem realmente energizar o corpo e fazer com ela se sinta melhor física e mentalmente. Neste período ainda não há aumento abdominal; portanto é possível exercícios em decúbito ventral.

O segundo trimestre é, para a maioria das mulheres, a parte mais fácil da gravidez. Embora o corpo esteja mudando e se expandindo, os níveis de energia são geralmente elevados, e é aí que os exercícios devem ser maximizados, para proporcionar todas as vantagens do treinamento para os meses seguintes. Neste período começam as alterações posturais, dando preferência para exercícios que trabalhem mais a musculatura postural.

No terceiro trimestre, as mulheres tendem a se sentir pesadas e com a constante sensação de desconforto. Os hormônios começam a se projetar para afrouxar as articulações do quadril podendo causar dores nas costas. O peso adicional do bebê pode modificar a noção de equilíbrio, as pernas podem ficar inchadas e varizes podem se desenvolver.

O Pilates ajuda em todas estas condições associadas à gravidez, reforçando os músculos centrais que, por sua vez, levam à melhora da postura e da circulação. Nesta fase procura-se dar ênfase maior para os membros superiores para que a gestante possa carregar o bebê após o parto com maior conforto possível. O Método Pilates é constituído por movimentos calmos, controlados e fluidos.

Favorecendo desta forma o aumento do tônus da musculatura do assoalho pélvico e abdome; redução das dores lombares; redução dos edemas dos braços e das pernas; atenuação das mudanças posturais.

INSCRIÇÕES ABERTAS
Pilates Completo - Turma I
20,21 & 27,28 de Janeiro
8:00 as 18:00
Pilates Completo - Turma 12
09,10 e 16,17 de Dezembro
8:00 as 18:00
Parceria Meta Life
R. Campos Salles, 1818 - Vila Independência - Piracicaba / SP
Ed. Campos Salles - 1º andar - Sala 14
(19) 3036-0166 / 0800 - 8810910
contato@escolapilates.com.br
Siga-nos